Viagra causa pressão alta?

Pressão Alta

Pressão Alta – O aparecimento do Viagra, e de outros remédios que ajudam homens com problemas de disfunção erétil a ter uma vida sexual saudável foi uma verdadeira revolução.

Com o uso desses medicamentos, muitos homens que não se sentiam incapazes sexualmente, voltaram a ter uma rotina normal, como vivenciavam em sua juventude.

Mas, com o sucesso do medicamento, vieram inúmeras dúvidas e medos relacionados ao produto. Viagra vicia? Posso morrer tomando o remédio? Ele provoca hipertensão arterial?

As angústias e dúvidas sobre o medicamento são normais, mas não podem impedir uma pessoa de tentar ter uma vida mais saudável e de qualidade com ele. Por isso, reunimos nesse texto tudo o que você precisa saber antes de tomar o Viagra.

Origem do Viagra

As drogas utilizadas para o tratamento de disfunção erétil surgiram como efeito colateral ao tratamento da pressão alta. Os produtos, no entanto, não reduziam a pressão arterial, mas causavam ereções muito intensas.

Essa descoberta levou a pesquisas, que permitiram o desenvolvimento dos medicamentos utilizados para melhorar a ereção.

Risco de hipertensão (Pressão Alta) arterial existe?

Os medicamentos utilizados para melhorar a ereção têm efeito hipotensor sobre a pressão arterial. Ou seja, não há qualquer possibilidade de que eles provoquem aumento na pressão.

O que pode acontecer, no entanto, é que o uso destes remédios, em associação a outros, como os derivados de nitratos, causem a queda excessiva da pressão, o que pode levar os pacientes à morte.

Por isso, sempre que um homem decidir utilizar medicamentos para melhorar a ereção, deve buscar orientação médica antes de consumir os produtos.

Viagra causa dependência?

Os pacientes que são liberados por seu médico para fazer uso de medicamentos que melhores a ereção podem utilizar o produto sem medo, pois não há qualquer risco de que seu uso provoque dependência química.

Viagra causa problemas no coração?

Os estudos conduzidos por laboratórios especializados não indicaram o risco de que o uso desses medicamentos cause problemas cardíacos, o que torna o consumo deles muito seguro para os homens desde, claro, que autorizados por seu médico.

Viagra tem efeitos colaterais?

Assim como todos os medicamentos, o uso do Viagra pode desencadear alguns efeitos colaterais. Muitos deles, no entanto, causam apenas leves incômodos.

Os efeitos colaterais mais comuns são dores de cabeça, desconforto gástrico, vermelhidão na face e no tronco e dores na parte traseira das pernas e na região lombar.

Quais produtos contra a disfunção erétil estão disponíveis?

Quando pensamos em remédios contra a disfunção erétil, o primeiro nome que vem à nossa mente é o Viagra, mas o mercado oferece outras alternativas igualmente eficazes.

Um deles é o Sinafil, que deve ser ingerido 30 ou 40 minutos antes da relação sexual e apenas se houver desejo sexual. Outro produto que ajuda a melhorar a qualidade da ereção é o Cialis. Lançado em 2003, esse produto garante a ereção até uma hora depois de ingerido.

Para maiores informações, consulte  Dr Anoar Samad

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *